5 de abr de 2010

Enquanto o sono não vem


A noite passada foi mais uma daquelas em que o sono resolve fugir e ainda fico com a sensação de que ele tá rindo da minha cara como se soubesse que eu tenho que acordar às 6h na manhã seguinte. Eu sei, eu sou estranho.

Não, eu não tenho insônia. Isso é só uma consequência de um feriado sem hora pra acordar, me deixando sem sono e me fazendo dormir mais tarde do que eu normalmente o faço.

E eu fico rolando na cama, olhando o teto, pensando em nada, pensando em tudo, desejando que o sono possa vir logo e já sabendo que cada segundo a mais que eu passo acordado vai influenciar na manhã seguinte. E com certeza ela não vai ser muito produtiva, tampouco uma manhã feliz. E não é que eu tava certo? Minha manhã não foi feliz nem produtiva. Apesar de que minha aula de Química foi a melhor que eu tive hoje, consegui repor alguns minutos de sono perdido.

Agora é tentar repor aquilo que eu perdi enquanto dormia na sala de aula, não sei se aguento mais um ano de cursinho.

3 comentários:

Anna Beatriz disse...

hsuahsuahsuash tô com o mesmo problema :S
beeijos!

Sue disse...

/medodocursinho

Olívia Yale disse...

garanto, vc nao é o unico!
adorei o blog.
bj