16 de set de 2012

Relato de uma traída

Não sou como as outras. Não dei chilique, tampouco joguei as roupas dele pela janela. Não ia fazer isso com boas roupas, com algumas que eu mesma dei de presente. Não havia necessidade. Ele sabe que eu não sou assim.

Photo: weheartit
Ele me disse que apenas se encontraram duas vezes e não passou de sexo. Posso até acreditar que não passou de sexo, mas se ele voltou uma segunda vez, deve ter sido porque ela era boa na cama. Então voltou uma terceira, uma quarta, com certeza. Mas tá tudo bem. Se ele me disse que não a vê mais, eu acredito. Até porque o nosso casamento, depois que ela apareceu, está perfeito. Em tudo, principalmente no sexo. Não há mais motivos para ele procurar por ela.

Eu gosto desse meu jeito calmo e quase completamente racional de ver as coisas. Por exemplo, não sou daquelas mulheres loucas por compras. É bom comprar coisas novas, mas não estouro o limite do cartão nunca. E sempre me vesti bem. Então também pensei nessa traição de maneira racional: quem disse que um dia não possa ser eu, carente e querendo um corpo desconhecido, uma pessoa com um papo diferente e uma pegada mais animal que a do meu marido? Por favor, não pensem que estou defendendo a traição. Só digo que ela acontece. E aceitar isso pode ser uma forma de diminuir os danos se caso eu o traia alguma vez. O futuro é tão incerto.

Só sei que, depois que ela apareceu na vida dele, parece que o nosso casamento ganhou um pouco mais de vida. Que bom que ela apareceu. Mas agora é melhor ela ter saído da vida dele de vez. Daqui pra frente, eu assumo.

3 comentários:

Nati disse...

Se ele traiu ela é porque o casamento não estava bom e é melhor separar do que ficar traindo ou sendo traída a Deus dará.

Quem faz uma vez, faz sempre. Então se o casamento não tiver bom, ele vai trair outras vezes e isso não é bom. Deixa de ser casamento e passa a ser relacionamento aberto.

Beijo

Jéssica Trabuco disse...

Traição é sempre uma coisa complicada... As vezes não é pelo lado afetivo, sabe? Se ele me traiu porque gostava dela ou não. Mas mesmo pelo "só sexo" entra o quesito RESPEITO pelo outro. Sei que esse é um tema, com certeza, que é discussão certa. Mas eu não consigo imaginar uma situação de aceitação... Sei lá. Só passando MESMO p/ saber.

Daniela Ramos disse...

Gostei muito de ler isto. Beijinho :)